Crise Faz Mais 5 Mil Corretores De Imóveis Abandonarem A Carreira.

“Se o corretor de imóveis não fizer poupança e pensar em longo e médio prazos, ele com certeza retornará para sua profissão de origem e irá abandonar o mercado.”

Nos últimos cinco anos, quase 5 mil corretores de imóveis desistiram da profissão no Distrito Federal, segundo o Sindicato de Habitação do DF (Secovi). Fatores como inflação, desemprego, juros altos e restrição no crédito causaram a retração no mercado imobiliário e uma desaceleração no consumo, o que provocou a saída dos profissionais.

Segundo o vice-presidente do Secovi, Ovídio Maia, há 25 mil profissionais registrados no conselho da categoria, mas somente 10 mil estão na ativa. Nos “tempos áureos” do mercado, em 2010, havia 15 mil ativos, diz. “Se o corretor de imóveis não fizer poupança e pensar em longo e médio prazos, ele com certeza retornará para sua profissão de origem e irá abandonar o mercado.”

Deixe seu comentário